Eu comecei a TRABALHAR NA INTERNET POR AQUI🚀

VEJA COMO!

Descubra qual o melhor tipo de investimento para iniciantes

Tempo de leitura: 11 min
Regiane

Escrito por Regiane

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA VIP

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Compartilhe agora mesmo:

Descubra qual o melhor tipo de investimento para iniciantes
investimento

 Qual é o melhor investimento para quem tá começando? Qual deles vai me deixar rico?

Você vai aprender tudo sobre esse assunto ao longo da leitura desse artigo. Vamos começar entendendo a inflação. A inflação é tipo, um inimigo
silencioso… Porém MORTAL.

Vamos supor que você começou a namorar uma bicicleta pra você comprar, e viu que estava custando cento e cinquenta reais. É o que você tinha dentro da sua carteira.

Só que você pensou, e concluiu que não precisava comprar naquela hora.  Um ano se passou, o seu cento e cinquenta tá na carteira lá, bonitão. Só que eis a sua surpresa, quando você volta na loja, um ano depois…. A bicicleta agora tá custando R$154,08!

Ou seja, seu dinheiro na sua carteira não É o mesmo cem e cinquenta reais do ano passado. Perdeu poder de compra . Esses 4 reais a mais aí da bicicleta, seria exatamente o novo valor que ela custaria, caso fosse corrigida pelo índice oficial de inflação do Brasil, que é o IPCA.

O IBGE realiza pesquisas sobre os preços de vários itens, pra ver o quanto cada um subiu. E faz uma conta final pra calcular o quanto que o dinheiro da sua carteira perde valor, todo santo mês.

O que fazer com o seu dinheiro

 

O que que é importante você sacar aqui, é  se você deixar dinheiro de baixo do colchão, além de embolorar, daqui a pouco não vai dar pra comprar nem um pão-de-queijo aqui de minas.

Ou se você aplicar o dinheiro em investimentos ruins, como os títulos de capitalização (urg!), poupança e outras porcarias do gênero, pode ser que você fique mais pobre do que é atualmente.

Investir pra ficar mais pobre, tem ideia do absurdo? Pra combater a inflação, o governo tem um remédio amargo que chama SELIC, já ouviu falar dela, né?

Pensa assim: os bancos ou (até você mesmo) podem emprestar dinheiro paro o governo e ele te paga esta taxa, a tal da SELIC. E o governo, embora não tenha as melhores das famas, é o que tem a impressora de dinheiro, afinal de contas.

 Pois bem. Então, o governo é o melhor pagador dentro de uma economia.  Agora você  se coloca no lugar do banco: ele usa o dinheiro dos correntistas, incluindo o que você tem na sua conta do banco. Ou você achava que a sua grana na conta ficava lá paradinha, não!

Sabe de nada inocente! Só a gente mesmo que deixa dinheiro parado.

O banco vai emprestar o seu dinheiro pra alguém ou pra uma empresa – e embolsar os juros pra ele. olha que bacana.  Então o banco tem duas opções: emprestar o dinheiro dos correntistas para uma pessoa (ou uma empresa) ou para o próprio governo.

Governo como melhor pagador paga SELIC

melhor pagador

E se o governo, que é o melhor pagador, paga a SELIC pro Banco me diz uma coisa: você acha que o mesmo banco emprestaria dinheiro pra gente, cobrando só a SELIC ou menos que ela?

Logo a gente que vira e mexe pode ocorrer algum imprevisto e não conseguirmos pagar algumas contas. A gente tem mais risco de negativarmos, claro que a gente vai ter que pagar mais!

Então por isso que a SELIC é a taxa BÁSICA de juros , a menor taxa que você vai conseguir dinheiro emprestado. Entendeu?

Mas por que eu disse que a SELIC é um remédio amargo? Porque quanto mais alta ela estiver, mais caro fica pra você fazer um financiamento, comprar no carnê de alguma loja, ou para as empresas investirem.

Então, com SELIC alta, todo mundo mete o pé do freio pra comprar e investir, e a economia do Brasil fica tudo parada.

 Vamos supor que a SELIC está em 20% ao ano. Você pode ganhar este valor emprestando dinheiro para o governo e ficar sem fazer nada. 

 Então o que você precisa ter em mente é que, o governo costuma medir a inflação, o IPCA, e colocar a SELIC MAIOR que ela. Isso justamente pra incentivar as  pessoas a emprestar dinheiro para o governo, porque assim nós estaríamos  mantendo o poder de compra.

As funções do investimento

 Os investimentos tem duas funções, e essa é principal delas – garantir o poder de compra do seu dinheiro. Antes de pensar em fazer seu dinheiro crescer, ficar rico.

O objetivo número 1 ao investir é ganhar  da inflação. E garantir o poder de compra do seu dinheiro.

É a arma para o nosso mais urgente objetivo financeiro, que são as suas reservas de emergência, ou seu colchão financeiro. Em outras palavras, o dinheiro que você precisa ter guardado, acumulado e bem investido, para dar conta de pagar os imprevistos que podem ocorrer.

Pensa bem, você foi mandado embora, precisa de uma cirurgia ou surgiu um outro problema na sua vida. Torça para o melhor mas prepare-se para o pior.

Faça reservas de emergência

O importante é que você tenha, por exemplo, 6 meses do seu salário guardados, economizados, em um investimento que você possa tirar quando quiser, sem ser prejudicado por isso.

Esse é o conceito de liquidez, inclusive! Não é o seu salário virando água não! Existem vários outros investimentos mais poderosos, que podem render bem mais.

Mas se você precisar do dinheiro, de uma hora pra outra, vai levar uma bela de uma ducha. Então esses não são legais pro seu colchão financeiro não!

 Você viu que você precisa fazer seu colchão financeiro, certo? Mas onde investir a grana da sua reserva de emergência?

Lembra que a SELIC é feita pra ficar acima do IPCA? Então, se um investimento te paga a SELIC, como o Tesouro Selic, você tá bem na fita quando você precisar, pode tirar o dinheiro paras os imprevisto da vida, sem dores na consciência e de bolso também.

Outras opções para o seu colchão financeiro são os títulos privados: ou seja, emprestar o seu dinheiro para os bancos ou financeiras, em vez de emprestar para o governo.

Para o colchão financeiro, por exemplo, você pode procurar CDB’s com liquidez diária, ou seja, aqueles que você pode resgatar quando
quiser.

CDB é um investimento

Já ouviu falar que o investimento rende “x por cento” do CDI? O Que vem a ser isso? Bom, vamos lá: CDB é um investimento. Não vai confundir. Já taxa DI, ou CDI, é uma rentabilidade que os bancos oferecem nos investimentos pra você.

 Considere que o CDI é a mesma coisa que a SELIC, pra facilitar, já que é muito próxima uma taxa da outra. Se a gente fala que um CDB rende 100% do CDI, que por sinal é o rendimento aproximado da Nuconta do Nubank, significa dizer que rende o próprio valor da SELIC.

 Ou de for oferecido 150% do CDI, seria o equivalente a uma vez e meia a SELIC. Tudo isso tem imposto de renda, tá?

Mas fica tranquilo que já vem descontado de você, não precisa recolher. Às vezes nem declarar você precisa: só tem que fazer a declaração do imposto de renda se você se enquadrar em um dos critérios de obrigatoriedade.

E por puro preconceito, preguiça, e desconhecimento, talvez. Muitos destes investimentos, a maioria deles na verdade, você só vai ter acesso se você abrir uma conta em uma corretora.

Qual corretora devo abrir uma conta?

qual corretora

E qual corretora devo abrir? Pergunta diária na vida de um educador financeiro. Se for pra ficar neste universo de investimentos que a gente viu até aqui, praticamente não tem como você escolher uma corretora errada.

Quase todas estão com taxa zero para tesouro direto, por exemplo. Agora, se você quiser se aventurar em universos nunca antes navegados, digo, mais arriscados – e que por isso podem render mais.

Aí a recomendação é que você escolha a corretora que seja mais vantajosa para aquele tipo de investimento que você quer utilizar. Por exemplo, tem gente que prefere pagar mais para uma corretora que ofereça mais robustez, com suporte e estabilidade na plataforma, porque precisa fazer day-trade, negociar ações várias vezes durante o dia.

Agora, se você quer comprar ações e manter na carteira, o famoso buy and hold, esses atributos não são tão importante assim, concorda? Ele já vai olhar se a corretora cobra taxa de custódia, porque ficar pagando todos os meses essa taxa, pode não fazer sentido nenhum pra ele.

Tipos de investimento na renda fixa

 Vamos falar dos tipos de investimentos que existem na renda fixa e a rentabilidade também. Quem pegou conseguiu considerar que o CDI
é praticamente a mesma coisa da SELIC, já começa a cair em algumas tentações.

Você descobre um CDB que rende 120% do CDI, ou seja, praticamente 20% a mais que o Tesouro Selic. E já dá aquela pirada, fica tão ansioso que já fala em tirar tudo do Tesouro Direto.

Calma lá, investidor, pensa bem. Lembra que a gente falou que o governo é
o melhor pagador? Por que será que o banco XYZ está oferecendo pra você 20% a mais do que você ganharia no Tesouro Selic?

Caridade? Algo de errado não está certo, concorda? E é isso mesmo. Pesquisa lá no site bancodata.com.br, bem provável que o banco XYZ já não tá mais tão bem das pernas.

FGC- Fundo Garantidor de Crédito

Eventualmente dando prejuízo, esse tipo de coisa. Pra estes investimentos de renda fixa que a gente tá vendo aqui, se o banco quebrar, existe a garantia do FGC – o fundo garantidor de crédito. Cobre até 250 mil por instituição, e até no máximo de máximo 1 milhão de reais de seu patrimônio.

 Mas onde eu quero chegar? Não é porque tem seguro que você compra
um carro que tá um caco, caindo aos pedaços, certo? Seguindo essa lógica, você escolheria o carro mais ferrado da concessionária, ou o banco mais quebrado.

 

O FGC cobre, mas pode demorar um tempo pra te pagar, caso o banco quebre. Então, esquece essa história de comparar tesouro direto, título público, que tem garantia do próprio Tesouro Nacional.

Com rentabilidade de banco quebrado, não tem muita lógica, o risco é outro – e é justamente por isso que ele está te oferecendo essa taxa marota aí. E aí pra gente falar dos investimentos de renda fixa, que tem um monte.

Tem os títulos públicos, o Tesouro Direto, o Selic, como a gente falou aqui, que você pode tirar quando quiser. O Tesouro IPCA+, que te oferece uma rentabilidade acima da inflação, mas que você precisa comprar já pensando em levar até a data de vencimento.

Caso contrário pode precisar do dinheiro antes, e ter até prejuízo na
venda antecipada.

Outro título público que tem que comprar pensando em levar até o vencimento é o Tesouro Prefixado, mas esse além de tudo tem o risco de você comprar, por exemplo, com uma taxa prefixada de 10% ao ano.

Título mais arriscado do tesouro direto

Contrato assinado. Mas Se a inflação ficar maior que isso, bau bau, você perdeu campeão, então seria o título mais arriscado do tesouro direto.

Isso sem falar os títulos IPCA e Prefixado com Cupons semestrais, mas estes são mais indicados pra quem já construiu um patrimônio e quer receber parte da rentabilidade contratada, na forma de um dinheirinho que pinga e volta semestralmente pra você, na forma destes cupons.

Com quanto dinheiro posso começar a investir?

começar a investir

 

 Você precisa de no mínimo 30 reais para investir no Tesouro Direto, então não tem desculpa pra não começar a investir.

 CDB´s, esses que muita gente conhece, que são os investimentos mais famosos dos bancos. Se você for no seu banco, sabe os 5 maiores
bancos? É bem provável que você não consiga 100% do CDI, às vezes nem com muita grana.

E você consegue esta taxa simplesmente abrindo sua Nuconta do Nubank, mesmo se você tiver 1 real pra investir só. Banco grandes não vão ter muita coisa boa pra você não.

 LCI´s, LCA´s: Também dos bancos, mas com a vantagem de não ter imposto de renda! Só cuidado para que não seja tão abaixo assim de 100% do CDI, senão esse efeito de não ter imposto não serve pra nada.

 LC: Esse quem emite são as financeiras, sabe, crefisa da vida? Podem te render mais, justamente porque as financeiras não tem a solidez que os bancos tem, ou seja, em tese tem mais risco que os bancos.

Mas como também tem FGC, não chegam a ser tão arriscados assim .

O que esperar com renda fixa

 O que a gente pode esperar com renda fixa e a história, o sonho de ficar rico? Como que eu enxergo essa coisa aí. O que tem a ver esse negócio de investir e de ficar rico? Veja que renda fixa é um tipo de investimento
muito seguro.

Basicamente, pra perder dinheiro na renda fixa, só se você fizer algum tipo de besteira. O que é bem improvável mesmo. E o que é seguro,  você há de convir comigo que não vai te pagar horrores. Não dá pra ficar rico com a poupança, você concorda, né?

Nem mesmo com Tesouro Direto ou outros investimentos dessa categoria. Pelo menos não no curto e no médio prazo. Renda fixa é mais para proteção de patrimônio, para construir um bolo de dinheiro para um futuro distante.

Ou mesmo pra ter aquela grana guardada e você usar quando quiser, num imprevisto aí da sua vida. Agora, pensa bem. A renda fixa paga não tanto assim. Ainda por cima se você descontar a inflação, o rendimento real do seu dinheiro, fica muito, muito baixo.

No longo prazo, dezenas de anos, até que fica legal, se você escolher bons investimentos. Agora, ficar rico no curto e no médio prazo, usando a renda fixa, sinto lhe dizer que não vai rolar. E o que a gente pode fazer pra ficar rico no curto e no médio prazo, hein?

Pergunta de mais de um milhão de reais! Existem investimentos muito mais interessantes para o médio e longo prazo, e que podem trazer rentabilidades muito grandes e te deixar rico no médio e no curto prazo. 

Se você quiser saber mais sobre como começar a investir com inteligência desde o início clique no link abaixo:

Guia Investimento Inteligente

Poderá ver o vídeo no youtube Aqui

Compartilhe agora mesmo:

Imagina Mudar de Vida e Poder Oferecer Algo de Melhor Para sua Família!

Se Você Está a Começar e Não Sabe Nada, Este Livro Vai Ajuda-lo a Criar Bases Para Começar Seu Negócio Online

100% livre de spam.

Você vai gostar também:

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA VIP

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.
Criado por WP RGPD Pro

Descubra como criar um Negócio Online do Zero

Coloque o seu email e baixe o ebook Grátis

Mais Dinheiro

Mais Liberdade de Tempo

Ser Seu Próprio Chefe

No Conforto de Casa

Os seus dados estão protegidos
Fale Comigo